Madeiras comerciais

DELTA Home

H. G. Richter e M. J. Dallwitz

Acer spp. (Ahorn, maple)

Nomenclatura etc. ACERACEAE. + Acer pseudoplatanus L., A. saccharum L., Acer platanoides L., A. campestre L. Nome comercial: Ahorn (DE); sycamore (GB); maple (US); érable (FR); acero (IT); falso plátano (ES). Não protegido segundo as normas CITES.

Árvore. Região de distribuição geográfica: Europa, excl. Mediterrâneo, Mediterrâneo incl. África do Norte e Oriente Médio, Ásia temperada, e América do Norte.

Aspectos gerais. Limites de anéis de crescimento distintos. Cor do cerne branco ou cinzento marrom a branco ou cinzento marrom a amarelo branco ou cinzento a vermelho (geralmente branco a amarelo claro). Cor do alburno similar a cor do cerne (ocasionalmente com cerne facultativo escuro). Densidade 0,5–0,6–0,7 g/cm3 (EUA: até 0.56 = "soft maple", até 0.80 = "hard maple"; A. pseudoplatanus: aproximadamente 0.60). Figura tipo "fiddle back" (causado pelo grão ondulado) em todas as espécies, figura tipo "bird's eye" (olho de pássaro) exclusivamente em A. saccharum.

Vasos. Madeira de porosidade difusa. Vasos agrupados, geralmente em grupos radiais curtos (de 2–3 vasos). De vez em quando nidos e grupos radiais de 4. Diâmetro tangencial dos vasos: 44–65–80 µm. Número de vasos/mm2: 34–38–44. Placas de perfuração simples. Pontuações intervasculares alternadas, diâmetro (vertical) das pontuações intervasculares: 8–10 µm. Pontuações radiovasculares com aréolas reduzidas ou aparentemente simples, arredondadas ou angulares, de tamanho e tipo uniforme, do mesmo tipo em elementos adjacentes. Engrossamentos em espiral presentes, em elementos de vasos estreitos e largos, em toda parte central de elementos de vaso. Tilos nos vasos ausentes. Outros depósitos em vasos de cerne não observados.

Fibras e traqueídos. Fibras de paredes de espessura média. Comprimento das fibras: 670–880–1080 µm. Pontuações das fibras em sua maioria restringidas às paredes radiais, simples ou com aréolas minúsculas. Fibras junto aos vasos com paredes mais espessas.

Parênquima axial. Parênquima axial em faixas. Faixas de parênquima axial marginais (ou aparentemente marginais), finas, até 3 células de largura. Parênquima axial apotraqueal e paratraqueal. Apotraqueal difuso. Paratraqueal escasso. Parênquima axial fusiforme e em série. Número de células por série de parênquima axial: 2(–4).

Raios. Número de raios por mm: 6–9–14, raios multiseriados (também quando muito poucos), raios com 1–6(–8) células de largura. Raios de dois diferentes tamanhos (1–2 seriados e 5–7 seriados), ou de um único tamanho (em algumas especies). Raios compostos por um único tipo de células (homocelulares); células dos raios homocelulares procumbentes. Não ha maneira segura de diferenciar as varias especies do género em base dos carateres microscópicos; entre as especies europeas pode-se distinguir apenas A. campestre das outras especies pelos radios geralmente mais finos.

Estratificação. Estrutura estratificada ausente.

Substâncias minerais. Cristais geralmente presentes, prismáticos, localizados em células do parênquima axial. Células cristalíferas de parênquima axial septadas. Número de cristais por célula ou câmara: um. Cristais observados em muitas especies, i.e., A. campestre e A. rubrum; em algumas especies não, i.e., A. pseudoplatanus. Sílica não observada.

Ilustrações. • Macro images. Transverse. Radial. Acer pseudoplatanus. • Transverse section. Acer platanoides. Acer campestre. • Transverse section. Acer saccharum. • Transverse section. Acer pennsylvanicum (higher magnification). • Tangential section. Acer platanoides. Inset: Helical thickenings in vessels. • Radial section. Acer platanoides. Inset: Homocellular rays, cross-field pits similar to intervascular pits in size and form but with reduced borders ("simple" pits).


The interactive key allows access to the character list, illustrations, full and partial descriptions, diagnostic descriptions, differences and similarities between taxa, lists of taxa exhibiting specified attributes, summaries of attributes within groups of taxa, and geographical distribution.

Este trabalho deve ser citado como: ‘Richter, H.G., and Dallwitz, M.J. 2000 onwards. Commercial timbers: descriptions, illustrations, identification, and information retrieval. In English, French, German, Portuguese, and Spanish. Version: 25th June 2009. http://delta-intkey.com’.

Conteudo